A arte de se ouvir

Não quero ter respostas pra tudo. Mas me interessa aquela sensação de paz, aquela certeza eminente de que o momento é perfeito e a hora é exata para o que desejo ser neste ou naquele instante. Quero enxergar o essencial e – aí, sim o que é importante – saber fazer as perguntas certas.

Michelle Araújo, 24/10/10

Anúncios

6 comentários em “A arte de se ouvir

  1. É verdade, queridos amigos. As dúvidas garantem uma boa dose de emoção às nossas vidas. Saber perguntar é preciso!
    Obrigada pela visita!

  2. “… certezas eminentes…” e dúvidas igualmente eminentes se alternam na essência da vida humana, dissimuladas em seus invólucros – paz e angústia. É essa alternância que produz o crescimento… a sabedoria… e que nos dá a sensação da nossa “insustentável leveza”.

  3. Simples, bonito, digno de reflexão. E foi escritoi no meu aniversário, muito significativo. Mas o melhor é que foi lido no dia 1° de janeiro. Muito melhor. Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s