Amor versus Esperança

Será possível amar
-simplesmente amar –
sem nada em troca esperar?

Se o amor guarda em si sempre a esperança
Que resta aos amantes senão esperar?

Aos que amam sem ser notados:
A correspondência.
Aos que vêem seu amor apedrejado:
Benevolência.
Àqueles que desejam o proibido:
A transcendência.
Aos que sentem seu amor morrer de fome:
A incandescência.

Não importa quando
Enquanto o amor existe, resiste
Firme e forte, pleno de esperança.

Michelle Araújo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s